Sanfoneiro baleado por policiais é transferido para Salvador

Músico levou tiro em ação que matou dançarina da banda

O sanfoneiro Eliedelson Possidônio, 32 anos, foi transferido para o Hospital Geral do Estado (HGE), em Salvador, no fim da noite da última sexta-feira (5). Ele estava internado na cidade de Irecê, localizada a cerca de 479 quilômetros de Salvador.

Foto: Reprodução

O músico foi baleado em ação realizada pela polícia em Irecê na noite da última sexta-feira, que feriu a tiros a cantora Joelma Rios e levou à morte da dançarina Gabriela Amorim, todos eles integrantes da banda cearense Sala de Reboco. Outras duas pessoas estavam no veículo no momento dos disparos.

Segundo informações , Eliedelson foi atingido por um tiro na perna direita e sofreu uma fratura exposta de grau três na altura da canela, com comprometimento vascular. O sanfoneiro foi levado para Salvador em um avião fretado pela família.

A mãe do músico contou que ele está consciente e conseguindo conversar, mas a perna está com uma situação delicada. O irmão dele contou que o sanfoneiro corre risco de perder parte dela.

Gleidivaldo Possidônio ainda contou ao que a decisão de fretar um avião aconteceu após o governo do estado ofereceu uma ambulância básica para fazer a transferência, que levaria 8 horas.

Foto: Reprodução

Fonte: G1 Bahia

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: