Garoto de 14 anos assume volante, capota carro e mãe morre

Cunhado do adolescente dirigia veículo , mas entregou a direção ao menino porque estava com sono

Uma mulher morreu e outras quatro pessoas ficaram feridas após um adolescente de 14 anos dirigir o carro da família na MT-010, na zona rural de São José do Rio Claro, em Mato Grosso, na tarde da segunda-feira, 22. Mãe, pai, filho, filha e genro estavam sem cinto de segurança. Eliege dos Santos Araujo, de 38 anos, foi arremessada para fora do veículo e morreu.

Foto: Reprodução

Segundo a Polícia Civil, o garoto relatou que a família vinha da cidade de Alto Paraguai e que seu cunhado, de 21 anos, dirigia o carro. Ao chegar ao trevo conhecido como Zuli, o condutor alegou que estava com sono e entregou a direção do automóvel ao adolescente.

Ainda de acordo com o depoimento do garoto à polícia, o pai dele, de 44 anos, sogro do motorista, não poderia assumir o volante pois havia ingerido bebida alcoólica. O menino alegou que sabia dirigir e, por isso, não viu problema. Ele afirmou que o veículo pertencia ao seu pai e que já havia o dirigido com a permissão dele.

O adolescente, então, assumiu a direção do carro e, ao desviar de um buraco na pista, foi parar na mão contrária. Ao retornar para a sua faixa, o veículo perdeu a traseira. O garoto tentou frear para tentar alinhar, mas o automóvel rodou na pista, bateu no meio-fio e capotou várias vezes, parando com o teto para baixo.

Durante o capotamento, a mãe do menino foi arremessada para fora do carro e caiu a aproximadamente 25 metros do veículo.

Para sair do automóvel, o adolescente quebrou a janela e, com a ajuda do motorista de um trator que trabalhava na colheita de algodão, levantou o carro para tirar a perna de seu pai, que estava presa. Eliege e as outras vítimas – o filho, o marido, a filha de 17 anos e o genro – foram levados de ambulância ao Pronto Socorro Municipal de São José do Rio Claro. A mãe do garoto chegou já sem vida ao hospital.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: