Irã admite que derrubou avião ucraniano ‘sem intenção’, diz TV estatal

Canadá e Reino Unido defendiam tese de que míssil abateu Boeing, matando 176 pessoas na quarta-feira. Mas hipótese só foi confirmada pelos militares iranianos neste sábado.

O Irã anunciou neste sábado (11) que seus militares derrubaram “sem querer” o avião ucraniano que caiu na quarta-feira (8) perto de Teerã. Na tragédia morreram 176 pessoas.

 O comunicado informou que o avião voava perto de um local sensível e foi derrubado devido a um “erro humano”.

O Boeing 737, da companhia Ukraine International Airlines, estava saindo da capital iraniana com destino a Kiev, capital da Ucrânia, quando caiu. A queda ocorreu cinco minutos após a decolagem, horas após o Irã disparar mísseis na base aérea iraquiana de Ain al-Asad, que abrigava forças americanas, em retaliação pelo assassinato do comandante iraniano general Qassem Soleimani.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: