Eleições | Relator propõe no Senado eleições municipais em 15 e 29 de novembro

O adiamento do pleito de outubro está na pauta desta terça. Para casos extremos, a votação em alguns municípios pode ocorrer até 27 de dezembro

O senador Weverton Rocha (PDT-MA), relator da PEC (proposta de emenda à Constituição) do adiamento das eleições (PEC 18/2020), apresentou o seu relatório na manhã desta terça-feira (23).

O parlamentar propõe que o primeiro turno das eleições municipais 2020 seja realizado em 15 de novembro e o segundo, em 29 de novembro em função da pandemia do novo coronavírus.

O texto diz ainda que, em caso de condições sanitárias extremas em municípios, o TSE (Tribunal Superior Eleitoral) poderá designar novas datas para a realização do pleito, tendo como data limite o dia 27 de dezembro de 2020. Isso valeria só para casos específicos. 

A votação da PEC está pautada para esta terça no plenário virtual do Senado. Foi retirado do relatório o voto facultativo para maiores de 60 anos, como vinha sendo discutido. 

Em sua conta no Twitter, o presidente do TSE, ministro Luís Roberto Barroso, disse que concorda com o adiamento da data em algumas semanas em função da pandemia: 

Em função do adiamento, outras datas do calendário eleitoral também serão alteradas. 

Fonte: R7 PLANALTO / Mariana Londres

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: