Morre ator Flávio Migliaccio, aos 85 anos

O ator Flávio Migliaccio, de 85 anos, foi encontrado morto em seu sítio na Serra do Sambê, em Rio Bonito, no estado do Rio. A informação foi antecipada pelo colunista Ancelmo Gois. O último trabalho do ator na TV foi o Mamede, de “Órfãos da terra”. Ele deixou uma carta para os familiares. Flávio ficou muito conhecido com o seriado infantil “Shazan, xerife & cia”ao lado de Paulo José e, mais tarde, pelo papel de Seu Chalita em “Tapas & beijos”. O corpo dele foi encontrado pelo caseiro, Nelson Soares da Silva, no quarto do ator, agora na manhã desta segunda-feira. O boletim de ocorrência foi feito pela quarta companhia do 35 BPM. Agora, a perícia de Araruama vai ao local para liberar o corpo. Famosos, como Caio Blat e Marcelo Médici, que contracenou com o ator em seu último trabalho, lamentaram.

“Um grande colega, divertidíssimo, uma baita ator, extremamente generoso. Quem estava ao lado dele, brilhava junto”, disse Marcelo.

“Ou você Puxa um fumo violento, ou você é um novo Oscarito, Eri.” Foi uma honra dividir o palco com você. Tenho muita gratidão por sua amizade. Descanse em Paz, amigo Migliaccio”, escreveu Eri Johnson, ao postar uma foto ao lado de Flávio.

Mouhamedh Arfouch fez um texto emocionado ao colega. Em “Órfãos da terra”, o ator foi Ali, neto do personagem de Migliaccio.

“Acabado. Este é o sentimento… não está fácil 2020. Flávio foi meu maior presente em 2019. Já tínhamos nos conhecido na série ‘Tapas e beijos’, mas foi rápido. Em ‘Órfãos da terra’ desenvolvemos uma amizade linda. Construímos quase que juntos nossas cenas e personagens. Trocamos muito! Muito! Conversávamos sobre tudo um pouco e ficamos assim meio confidentes. Construímos uma linda relação que foi para além da novela. Nos falávamos com certa frequência e até um mês atrás tinha ligado para ele, para saber se estava bem. Hoje sou pego com mais esta dura notícia. Me sinto perdendo um avô, um amigo, um ídolo. Me sinto órfão, assim como todo Brasil, deste gênio chamado Flávio Migliaccio. Descanse em paz meu amigo. E meu abraço mais carinhoso à todos os familiares e amigos. Muito obrigado Jidô, obrigado por tudo que aprendi com vc neste processo. Te levo e guardo para sempre nas minhas melhores lembranças!”, escreveu.

“Toda minha admiração e carinho… Até já, mestre Flávio Migliaccio!”, escreveu Caio.

“Flávio, amigo querido, descanse em paz! Tristeza!”, disse Paulo Betti ao postar uma foto do amigo.

“O Flávio Migliaccio! Hoje tá difícil. Que ator, cresci falando do Tio Maneco. Memorável recentemente em Órfãos da Terra”, disse a autora de novelas Rosane Svartman.

“Meu amigo foi descansar desse mundo estranho”, escreveu Bruno Gagliasso, puxando palmas, no Twitter, para homenagear o ator.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: